Siga por e-mail

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Com muito amor, da Carol



A vida da gente é recheada desde o nascimento à morte por momentos de alegria, dor, angústia, afeto, dentre outras surpresas que só nos são reveladas quando Deus sabe que estamos prontos para enfrentá-los. Embora muitos digam que "A ninguém é dado uma cruz maior do que pode carregar", acredito que na verdade a ninguém é dado uma cruz maior do que a quantidade de amigos para ajudar a carregar.

A Vida me ofertou um milhão de amigos (alguns deles sozinhos, valem por mil). No momento de maior susto que passei nesta existência reconheci a cada um deles. Tenho a convicção que os problemas que enfrentamos, e muitas vezes até achamos que não merecemos, são presentes de Deus. Ele oferece a grande oportunidade, algumas vezes única, de reconhecer os verdadeiros anjos desta longa caminhada na Terra. Cada gesto de solidariedade, seja ele motivado pelo amor, amizade, caridade, autrísmo ou qualquer outro sentimento positivo, representou um feixo do amor divino me invadindo e me fortalecendo.

Muito, muito, muito obrigada por cada um que viveu comigo a insegurança de ficar doente (em nenhum momento acreditei que estava doente, mas receava que poderia ficar). Deus sabe a imensa gratidão que sinto pelas energias positivas que sei que recebi. Foram elas que não me deixaram desanimar em nenhum momento. Pude sentir muito nitidamente o amor de todos meus familiares, amigos, colegas e até conhecidos. Sei que sou privilegiada por estar em meio a milhões de amigos, por isso homenageio a cada um deles neste post. Sintam-se abraçados, beijados e inundados de amor e gratidão, porque este é o meu sentimento.

7 comentários:

Osair de Sousa Manassan disse...

Amigos, talvez a coisa mais preciosa que temos e é preciso ter cuidado para não perdê-los, por um descuido qualquer. Fico muito feliz em saber que você tem tantos e tão bons amigos, minha linda. Mais feliz ainda e com o coração sossegado por saber que tudo não passou de um (desagradável) susto e que a saúde e o bem-estar vão sempre estar com você para continuar a construir seus sonhos e nos alegrar com a sua presença, seu otimismo e autoconfiança. Isso, ainda bem, é contagioso... Beijos no seu coração, sempre recheados de muito amor.

Francielle Felipe disse...

Como diz a Diva Cacá: "A nossa amizade não foi construída em uma mesa de bar", é muito, mas, muuuiiitooo mais que isso.
Estou feliz por ter sido apenas um susto e uma grande lição de fé.
Um grande beijo de quem te ama muito.
Fran

Nina disse...

Ainda bem que tudo terminou bem... Bom te-la como companheira de jornal, amiga e confidente ! Eu tinha fé que a notícia no final seria boa. Mas o melhor de tudo é ver vocÊ feliz de novo.

Ana Carol

Nina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mi Damas disse...

Amizade é isso mesmo, prima! Se fortalece nas vivências, nos aprendizados!
Sabíamos que seria mais uma vez o fortalecimento de nossa fé!
Ficamos muito aliviados e felizes com a notícia!
Muitos beijos pra vc com muito carinho!
Amo vcê!

Mi!

Lívia Costa disse...

Vibramos muito por você, amiga.
Foi lindo o seu exemplo de tranqüilidade e fé.
Te amo!

Nut. Juliana Tolêdo disse...

Gata, você tem amigos porque os conquistou! Sua tranquilidade, fé e confiança foram exemplos para nós! Esses sustinhos da vida tem seu lado positivo, pois nos fazem valorizar coisas cotididanas que, erroneamente julgamos pequenas por estarem disponíveis o tempo todo! Fique com Deus!