Siga por e-mail

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Você tem medo de que?

"Não é que eu tenha medo da morte. Eu apenas não quero estar lá quando isso acontecer" ( Woody Allen )




A Marília Gabriela entrevistou em seu programa na GNT hoje, o psiquiatra Eduardo Ferreira-Santos, sobre síndrome do pânico e medos. Ele dizia que todos os medos tem uma origem que em nada, tem a ver com o "objeto amedrontador". Por exemplo, o medo de baratas e outros insetos, tem na verdade a origem no velho argumento freudiano do "fálico". Estranho, não? Você deve estar pensando neste momento que este médico é mesmo de araque. Bom, ele me pareceu bem profissional, mas devo confessar que também não encontrei uma lógica, no que a própria Marília chamou de "associação livre". Bom, de acordo com ele, pessoas que quando uma barata é esmagada, tem aquele terrível nojo da gosminha verde que sai do inseto, na verdade, tem nojo do gozo masculino. Uma loucura na minha opinião. Mas o que me interessou nesta entrevista mesmo foi que ele afirmou que temos cada dia mais medos.

A sociedade moderna e suas pressões nos faz pessoas neuróticas. Medo de enchentes (com o que aconteceu em Angra, todo mundo vai pensar duas vezes antes de se hospedar numa pousada ao pé de serras), de violência, doença, insetos, morte e uma lista interminável de coisas que não podemos evitar e prever. Mas o motivo verdadeiro que me levou e escrever, é que eu também passei por um medo que eu teria que ter vergonha de contar, mas já que estamos aqui (e meu objetivo é escrever me colocando nua e crua, no bom sentido, é claro), não vou esconder. Medo de avião. Andei pela primeira vez  no último dia 28 de dezembro. Apesar de nunca ter entrado em um avião, já havia voado de helicóptero e tinha achado legal. Mas quando a gente decolou e eu percebi que o tempo todo a aeronave dá uma sacudidinha, eu achei que a viagem Goiânia-Porto Seguro é muito longa para minha gastrite aguentar.

Na verdade, não tive pânico, mas não relaxei. Ida e volta fiquei em alerta, pensando que não tinha jeito de uma aeronave tão pesada ficar no ar muito tempo. E uma queda de 11 mil metros de altura e a 800 km/h, não seria nada agradável. Na verdade, como exagerada que sou, já me imaginava manchete do Jornal Daqui (veículo que eu trabalho). "Jornalista morre em queda de avião na lua-de-mel". Uma notícia triste, que merecia destaque nacional. Afinal, sou jovem e com um lindo futuro pela frente. Loucura, não? Pois é. Porém, não se preocupem por que nem por isso vou deixar de viajar de avião, afinal, apesar do medo, tenho que confessar que o conforto é impagável.

Mas de acordo com este médico, perfeitamente normal. Não existe ninguém, segundo Eduardo Ferreira, que não tenha um medinho. Ele mesmo confessou ter pânico de ter febre. Bom, cada louco com seu problema. Eu, se for confessar todos os meus medos, vão internar. Então, é bom eu parar por aqui e ficar só no medo de avião mesmo. O restante, tenho certeza de que os comentaristas do blog vão contar.

6 comentários:

Ana Carolina disse...

Eu sei de um... E olha que nos conhecemos a menos de um ano! Medo de casar. Parece que passou, porque você anda super feliz!

jodenon disse...

Fui testemunha da sua aventura de helicóptero. Eu estava no banco de tras, com a porta aberta e fazendo imagens de Silvânia. Só de lembrar de sua carinha dizendo "Padrinho, você vai cair!"...Começo a rir sozinho.
Beijos e parabéns pelo Blog.

Osair disse...

Eu tenho medo de ter medo.... De morte eu não tenho, desde que não seja a minha.
Ótimo texto! Beijos, lindinha.

Mi Damas disse...

Estou adorando o seu blog... Engraçado, ao contrário do Osair, tenho medo da morte .... mais ainda da morte daqueles que permanecem vivos, mas esquecem o real sentido da VIDA! São tantos medos, medinhos, medões... Dos seus sei de um que marcou: medo de borboleta!
Beijos, prima que amo!

Nut. Juliana Tolêdo disse...

Kkkk... Você me mata de rir, apesar do teor profissional em que seu blog se baseia. Gata, eu também tenho medo, claro! Inclusive de barata! Kkk.... E depois siga meu outro blog de nutrição também: http://julianatoledodefaria.blogspot.com. Adoro suas visitas! Bjo!

angela disse...

Nossa eu tenho uns medos que preciso enfrentar URGENTE!!Estou me esforçando!!Parabéns pelo blog Diva!!Beijos